HOME SOBRE O BLOG COLABORADORES CONTATO ANUNCIE
MltLS8B

Começa hoje em Belo Horizonte mais uma edição do Fashion Revolution. É a terceira vez que a cidade recebe o movimento que vem recheado de palestras e cursos na programação, inteira gratuita.

Beleza, mas o que é o Fashion Revolution e o que é que isso tem a ver com as pessoas?
Se você, assim como eu, acredita que a moda deveria ser mais bonita esse movimento é pra você.

Informal-Garment-Industry-2015-17A-700x467

“Grande parte da indústria global da moda é opaca, exploradora e ambientalmente prejudicial e precisa desesperadamente de mudanças revolucionárias. Nós amamos a moda, mas não queremos que nossas roupas venham a custo de pessoas ou nosso planeta.”

É assim que o movimento se apresenta já nas primeiras linhas do site deles.

Não vejo mais glamour em marcas caríssimas, com produtos super trabalhados e diferenciados, feitos a base de trabalho escravo. Não vejo mais glamour em marcas caras que apresentam uma coleção inspirada na marca caríssima acima e mesmo economizando em criação explora a mão de obra, coloca o valor final da “brusinha” por 800 reais por puro marketing. Lucro de 1000%. Não, não caio mais nessa.

Fashrev_impact_2-700x394

A programação do movimento começa hoje, dia 24 de abril (dia do desabamento do centro comercial em Daka em Bangladesh, onde 1124 pessoas morreram enquanto fabricavam nossas roupas) e termina no dia 30.

Durante essa semana toda o movimento instiga todos que entrem em contato com eles a se questionarem: quem fez suas roupas?

“Essa ação irá incentivar as pessoas a imaginarem o “fio condutor” do vestuário, passando pelo costureiro até chegar no agricultor que cultivou o algodão que dá origem aos tecidos” Orsola de Castro, co-fundadora do movimento.

Alguns tópicos simples que valem ressaltar sobre o evento:

. É gratuito
. Apoia o produto local
. Apoia a economia local
. Tem cursos
. Tem palestras
. É um evento que acontece no mundo inteiro e temos a sorte de poder debater sobre isso na nossa cidade.
. A moda é a SEGUNDA indústria mais poluente do mundo
. Mais de 80% dos resíduos têxteis poderiam ser reutilizados

A abertura oficial do evento é hoje no Guaja casa às 19h, de graça e sujeito a lotação.
Para saber mais sobre o evento e acompanhar toda a movimentação clique aqui.
.

Programação FRW BH

Obrigada ao Sem Clichê e aos leitores pelo espaço!
Meu coração está sempre aberto pra esse assunto e seria maravilhoso conseguir levar algum de vocês comigo.
Abraços, <3

Posts relacionados:

farm5

Segura o bolso, porque você vai querer TU-DO.

Esse fim de semana foi de música e arte para os apaixonados pelo Inhotim, o maior museu de arte contemporânea a céu aberto do mundo. Mas junto com o festival super descolado que rolou, o MECAInhotim, tivemos o preview da nova coleção da Farm, a “Glitch Tropical”.

farm_04-11-2016_campanha_desktop

É uma coleção super divertida, em que o lado fun dos games, a energia da música eletrônica e a criatividade da linguagem da internet se une ao jeito descontraído, solar, colorido e lúdico de ser da Farm, como conta a diretora criativa da marca, Kátia Barros.

g1

A Glitch Tropical tem muita transparência, mix de estampas, peças metalizadas, pacthês, mesclando forte inspiração na Era disco e no movimento artístico “vaporwave”.

farm11
farm10

Nossas 4 escolhidas:

g4
g5

DICA SEM CLICHÊ: Para além das estampas para lá de coloridas, a coleção não traz distinção de gênero, ou seja, todas as peças são unissex, podemos ser usadas por todos, democraticamente! \o/

A pré-venda já esta disponível no site da marca.

escreva perfeito

Posts relacionados:

s1

As Salopetes, novo hit da temporada, foram febre dos anos 90.

s2

Provavelmente você teve uma ou sua mãe quando criança te obrigou a usar. Pode ter certeza!

Ela é uma peça coringa, que pode ser usada democraticamente por todos e ajuda na hora da falta de ideias para o look. Fica a dica amiga: Forever 21 e Zara estão lotadas de modelos (em sua maioria jeans) para esses dias quentes de primavera.

s3

Com pegada moderninha e sem exigir muito investimento, a salopete, essa jardineira fofa de saia, pode ser combinada com qualquer tipo de blusinha. Não tem regra e combina tanto para um almoço descontraído quanto para um rolézinho descolado e feliz!

s5
s6
s199

#lokadodia

escreva perfeito

Posts relacionados:

Layout por Gabi Barbosa + código por Tiago Gamaliel