HOME SOBRE O BLOG COLABORADORES CONTATO ANUNCIE
d56587bd0f0e2449f0756c24d3af2e0c

Sou do time que sempre fica com a pulguinha atrás da orelha quando a indústria cinematográfica decide lançar o segundo filme de tal história. Mas para toda regra uma exceção. Neste caso, duas exceções: Qualquer Gato Vira-Lata 2 e Meu Passado me Condena 2.

filmes1

Duas comédias brasileiras hilárias e que a gente sai da sala do cine sorrindo de orelha a orelha. Ok, nem todo mundo que eu comentei sobre, concordou comigo. E eu também tenho riso frouxo. Porém, se não me faz rir é porque o filme é péssimo. Enfim… O que eu quero dizer que, na minha humilde opinião, vale dar uma chance. No mínimo, você vai voltar para casa sem a sensação de que perdeu o seu tempo.

imagens

Para começar: Qualquer Gato Vira-Lata. Eu amei o primeiro e tirei lições valiosas. Aprendi muito com o Professor e, claro, com a Tati. Nessa continuação, aconteceu algo difícil: achei mil vezes melhor que o anterior. Tati e Conrado viajam para Cancun, onde ele vai participar de uma conferência para o lançamento de seu livro. Tati que já considera que podem avançar mais uma casa no relacionamento deles, arma com amigos e família para pedir a mão do professor em casamento. Não satisfeita, faz questão de transmitir o pedido via internet para todos no Brasil. Porém, o plano vai por água abaixo quando ele responde apenas um “Posso pensar?”. Ai prepara, gente! Lá vem armações. Tanto do lado feminino quanto do masculino. Tem ex na história, tese diferente que bate de frente com o livro do Conrado. E tem até o Fábio Jr. no meio, interpretando o próprio pai da Cléo Pires (Tati). Muitas risadas do começo ao fim e quebras de paradigmas.

E na cena entre pai e filha, umas lágrimas podem rolar. O final é clichê, mas não deixa de ser surpreendente. Os atores são sensacionais e estão em total sintonia. Malvino Salvador incrível, mas prefiro o Dudu Azevedo hahaha. E gente, ô garotinha talentosa: Mel Maia, que fez Avenida Brasil, lembram? Ela arrasa muito.

meupassadomecondena2_4-750x380

Por fim, mas não menos importante: Meu Passado me Condena 2.
Fábio e Miá vivem mais uma aventura e encaram a primeira crise séria. O casamento cai na rotina e as diferenças vem à tona. Após ele esquecer do terceiro aniversário de casamento, ela pede um tempo e joga uma lista gigantesca com tudo que irrita nele. No meio da briga, o avô do Fábio, que mora em Portugal, liga para avisar que ficou viúvo. Sendo assim, ele vê uma oportunidade de salvar o seu casamento e logo depois os dois partem para a Europa. Na viagem, tudo dá errado, amores antigos retomam, amigos também. Gargalhadas, descobertas e lições fazem parte do roteiro e o final não poderia ser melhor. Para variar um pouquinho, chorei. Tenho riso frouxo, mas minha fonte de lágrimas entra em ação em questão de segundos hahaha. Destaque para o Fábio, ele se superou nas palhaçadas. E a Miá também é ótima. Gostei também dos atores antigos e novos.

Ah! Prestem atenção no discurso mega verdadeiro do avô no filme: perfeição não existe. Será? Até existe, mas dentro das imperfeições.

Trailers:

Mega indico as duas produções. O primeiro já está no Now (NET) e a segunda dica ainda está nos cinemas. Nem uma, nem outra deixaram a desejar.

Agora o Sem Clichê quer saber: qual continuação você gostou e indica?

Curtiu o Sem Clichê? Me acompanhe no Facebook!

Posts relacionados:

9950c8f07c77449236f8df0fb29aa27b

Vocês já tentaram meditar?

Bom, vamos por partes. Antes de iniciar uma rotina de meditação, precisamos entender O QUE É meditar e porque faz tão bem para a nossa mente e corpo. A psiquiatra Sofia Bauer explica de uma maneira muito simples neste vídeo, assista:

Quer aprender porque é importante meditar?

Posted by Sofia Bauer on Saturday, August 15, 2015

Depois de entender a técnica, a primeira meditação que indico para você praticar todos os dias é a Love Kindness. Ela também é muito simples de fazer e basta guardar cinco minutinhos da rotina para isso. As frases que a doutora Sofia ensina ficam na nossa cabeça, e também podem ser repetidas durante o dia. Eu já testei em um momento de estresse e foi tão gostoso! :)

Como diria Osho:

“A meditação é uma maneira de ir para dentro de si mesmo,
de perceber que você não é o corpo e você não é a mente.
É um modo de fixar em nós mesmos, no mais profundo centro
do nosso ser; e uma vez que você encontrou o seu centro,
você terá encontrado tanto suas raízes quanto suas asas.”

Estou praticando a Love Kindness todos os dias antes de dormir. Tem me feito muito bem! Espero que gostem. Me contem como foi a experiência nos comentários!

Curtiu o Sem Clichê? Me acompanhe no Facebook e no Instagram!

Posts relacionados:

notebook15-50125_bolinhas-vermelhas-e-branco

Como contei no Snapchat (segue lá: marcellabrafman) e já mostrei no Instagram (segue lá também, hihi), estou de casa nova!

Foi só entrar no apê novo que virei a maluca do Pinterest, haha. Em uma das minhas fuçadas, descobri as decorações com adesivos de bolinhas. Fiquei impressionada o quanto era simpes de fazer e no mesmo dia coloquei a mão na massa.

Você vai precisar de:

. Um local onde queira fazer os “poás”. Eu fiz na geladeira e no encosto do vaso sanitário (corre lá no Instagram para ver essa segunda peripécia).

. Adesivos Pimaco do tamanho e da cor que preferir. Em Belo Horizonte, achei na Kalunga da Avenida do Contorno por cerca de 3 reais o pacotinho com 200 adesivos.

foto 1
Aí é muito simples. Eu não fiquei extremamente preocupada com a posição das bolinhas. Queria que elas ficassem certinhas, mas sou muito ansiosa e com o tempo fui “perdendo um pouco a paciência” (verdades). Para ficar mais fácil, fiz bolinhas de lápis onde ficaria cada bolinha antes de colar.

Começou assim:

foto 2
foto 4
E por fim, quarenta minutinhos depois:

foto 3
Gostaram?

Mais algumas inspirações de decorações de bolinhas para geladeiras:

geladeira-com-contact

11240754_762878713825227_1833352812_n

CH_DA_PAM.FEV.12_149

Curtiu o Sem Clichê? Me acompanhe no Facebook e no Instagram!

Posts relacionados:

Layout por Gabi Barbosa + código por Tiago Gamaliel